O que são os cristais?

O que são os cristais?

O que são os cristais?

Afinal, o que são os cristais e por que devemos limpá-los, energizá-los e tratá-los como uma verdadeira tecnologia?

Estamos rodeados de cristais na vida cotidiana (o sal de cozinha, o açúcar, o gelo e o diamante, por exemplo), pois chamamos de cristal todo corpo sólido que possui faces planas e bem definidas, com arestas retas e vértices agudos.

Porém, aqui na Misfit, quando falamos de cristais, estamos sempre nos referindo aos minerais encontrados na natureza.

Os cristais e, em geral, as rochas e os minerais, sofrem a ação de poderosas forças de distorção no interior da Terra.

Sua gênese é influenciada pela intervenção de forças de atração entre os átomos, as moléculas e os íons (átomos com carga elétrica), que compõem a matéria, determinando o modo como essas partículas se ordenam espacialmente e formam corpos regulares.

Calma, gente! Sabemos que é complexo, mas logo a seguir, tudo vai ficar mais fácil de absorver para que você possa fazer um uso mais proveitoso do seu cristal.

Cristais são seres vivos

Átomos são constituídos de partículas ainda menores (prótons, elétrons e nêutrons), que estão em movimento constante, vibrando sempre. Durante essas vibrações, cada átomo de matéria capta e emite energia ao mesmo tempo. Não existe, portanto, matéria morta.

O mundo físico, palpável, nada mais é que o agrupamento de diferentes combinações de energia concentrada, onde tudo está sempre trocando informações, ou seja, vibrando numa determinada sintonia.

Um cristal é, portanto, um Ser Vivo, tanto quanto nós. Aparentemente muito diferente, e certamente com outro tipo de habilidade, mas não apenas um objeto.

Como eles agem

Segundo o cientista Dr. Marcel Vogel, o cristal é um objeto neutro, cuja estrutura interna apresenta um estado cristalino de perfeição e equilíbrio.

Se cortado com precisão em uma forma geométrica apropriada, quando a mente humana entra em relacionamento com sua perfeição estrutural, na vibração do amor, o cristal emite uma vibração que estende e amplifica o poder e o alcance da mente do usuário.

Como um raio laser, ele irradia a energia de uma forma coerente e altamente concentrada. Esse campo de força extremamente benéfico pode ser transmitido para objetos ou pessoas, à vontade.

O Universo é perfeito em si mesmo, independente de qualquer interpretação ou percepção que se tenha dele. Do ponto de vista quântico, todas as coisas no campo unificado agem precisamente e perfeitamente de acordo com sua natureza. Os cristais foram criados em ressonância com frequências mais elevadas.

O conhecimento dos cristais é essencial para a era em que estamos vivendo. É importante estar ciente de que o campo cristalino possui uma conexão direta com a consciência, o pensamento, a ação e a criação manifestada.

Uma vez comprovada que a assinatura energética do quartzo é muito semelhante à da água pura, ele pode ser usado para recarregar e influenciar o corpo energeticamente, já que o corpo humano é composto, aproximadamente, por 70% de água (No filme “Quem Somos Nós” esse conceito é melhor explicado).

Esse conhecimento já está disponível e virá à tona à medida que o usuário se tornar capaz de compreender e aplicar a utilização responsável desses materiais.

Todas as estruturas cristalinas oferecem uma infinidade de benefícios.

Um dos principais atributos dos cristais de quartzo, por exemplo, é que suas formas minerais vivas podem receber, armazenar, recuperar e transmitir informações.

Esse fato foi comprovado quando conseguiram colocar uma imagem tridimensional da Mona Lisa dentro de um cristal de quartzo e, em seguida, a recuperaram. Dessa forma, foi reconhecida a capacidade dos cristais de transmitirem ondas de energia.

Não é a toa que os primeiros rádios utilizavam transmissores de cristais e a tecnologia do cristal, ou “silício”, é a base de computadores, chips de celulares e aparelhos de ultrassom.

Os cristais são seres vivos pertencentes ao reino mineral e são perfeitamente capazes de influenciar nossa energia e elevar nossa vibração. Basta entendermos que nosso pensamento emite ondas que podem ser potencializadas através da tecnologia cristalina.

Fontes:
http://www.portalsaofrancisco.com.br/esoterismo/cristais
HALL, Judy. A Bíblia dos Cristais: o guia definitivo dos cristais. São Paulo: Pensamento, 2008.

Crédito das imagens:
Google

Junte-se aos nossos assinantes.

Receba as notícias do nosso blog, quentinhas, direto do forno.




Posts mais vistos